Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos



Dois corações !

Um para amar
E o outro, só para pulsar !

Um coração que saltitasse quando quisesse...
O outro para manter-se sereno no aconchego do amor.

Quisera eu brincar de abrir o peito
Quando ele resolvesse falhar...
E quando falhasse ...
Escancarar as cortinas do meu peito
E apenas recomeçar.

E com toda coragem reagir,
Pensando no outro coração que à espera está.


Quisera eu ter um coração para brincar  comigo e o outro para aconchegar-se em mim.

E o Criador dos corações que batem apaixonados ou descompassados...
Me deu uma nova chance...
E uma nova tatuagem  abriu-se em meu peito!

Batendo no mesmo compasso os dois  corações estão perfeitos!


Não fiquei triste quando falhou
Fiquei esperançoso com
uma nova oportunidade de viver
 
Deus me devolveu a vida
E sou grato por ela.

Cada marca, uma nova oportunidade ,um novo ciclo um novo ser humano ...


Ao menino Jorge Filho.

Salve Jorge!!!

19/09/2021
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 22/09/2021


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426