Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

Banalizaram a morte.
 
Matam por um tênis.
Matam por uma bota.
Matam por um celular 
Matam pelas costas.
 
Matam pelo silêncio
Matam pela derrota.
Matam por negligência
Matam por fofoca.
 
Matam quem mata a fome.
Matam o inocente
Matam a criança 
Matam o adolescente.
 
Matam por engano 
Matam pelo sorriso 
Matam por incerteza 
Matam de tristeza
 
Matam os oprimidos
Matam por vaidade
Matam pelo colorido 
Matam pela sexualidade.
 
Permanecem os abutres...
 
Eliane Auer
23/08/2021
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 23/08/2021


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426