Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

Ele foi ao mar, acalmar
Amar
Foi ao mar
Viajar entre as ondas
Navegar em águas mansas
Relaxar
Foi sentir o aroma da natureza
Limpar a aura para retornar mais forte
Ele foi ao mar
Navegar
 E no mar, rompeu aurora,
Renasceu na praia
Leve, sereno...
Como as marolas flutuantes
Ele se redescobriu
Se reencontrou
Percebeu que o amor
É ele!
Em alto mar!
E em águas límpidas e esverdeadas
Refletiu os seus olhos na transparência...
E aportou nos braços da paz.
 
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 19/06/2020


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426