Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

 
Você matou a poesia em mim
morte+e+poesia
 
Nunca imaginei que você seria uma pedra
Se tornaria o meu pesadelo
Dói ,
Dói demais!
Bruscamente terei que arrancá-la
Ficarão as cicatrizes, as marcas da dor
Como um amor de verão,
Tudo passará.
Estarei sem um pedaço,
Porém, sem dor
E refeita em mim.
 
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 19/10/2017
Alterado em 19/10/2017


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426