Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

lagri2.jpg
Lágrimas por ele
 
Foi a maior tristeza que senti naquele olhar
Seus olhos, fitaram os meus
Nos meus olhos,
Lágrimas rolaram
 
Lentamente a janela foi se fechando
As lágrimas involuntariamente caíram
Sem sequer alguém entender o motivo
 
Jamais esquecerei aquele olhar
Dizendo adeus!
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 26/05/2017


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426