Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

“Não te amo de tesão, te amo de paixão”
9873843_y2BRt.gif
 
Amor que enlouquece
Que vai e que vem
Enfurece, amadurece
 
Amor adormecido, escondido
Proibido
Amor que gerou filhos
Amor amigo, amor irmão
 
Amor que o tempo não apaga
Porque é um amor, meio ilusão
“Não te amo de tesão, te amo de paixão”
 
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 27/03/2017
Alterado em 27/03/2017


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426