Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

Ladrões de sonhos
 prisao.png
Certo dia ao cair da  noite
Um equívoco em final de jornada
Ladrões de sonhos por pouco ou nada
Estragam vidas em disparada
 
Sequer se interessam pela veracidade
Ostentam insígnias e abuso de poder
Roubando sonhos  e transformando vidas
Em amargos dias pra  viver
 
Condenam antes do julgamento
Pensam ser  Deus em seus pré-julgamentos
Esquecem que um dia poderão ter filhos
Vítimas do mesmo tipo de tormento.

Eliane Auer
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 16/08/2015


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426