Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos


Andando uma das avenidas da cidade, vejo uma jovem ,linda , pele branquinha(não era cotista) cabelos lisos naturais, olhos claros, sorriso alegre no rosto.
Próximo a ela, um carrinho de limpeza pública e ela se encontrava uniformizada, varrendo a rua.
Logo depois, percebi que pausou e falava ao celular.
Uma jovem menina, um  bom exemplo para não seguir um caminho de “vida fácil”.
Poderia estar numa universidade fazendo um curso desses que os mais providos costumam fazer,
Poderia estar na praia usando seu poder de sedução e beleza conjuntos.
O que aparentemente não lhe falta é beleza. Mas, ali estava com um uniforme quente, às sete horas da manhã.
Falta de oportunidade de estudar?
Acredito sinceramente que não!
Opção de ser gari?
Talvez, sim! Para se sustentar dignamente.
Será que um jovem bonito, com seu carrão, namoraria uma gari queimada de sol devido ao trabalho ou uma “piriguete” sarada de academia de malhação e bronzeada de praia?
A segunda opção disparada na frente, na minha opinião.
 Afinal , é melhor ostentar aparência do que caráter.
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 16/08/2015


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426