Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

        Ausência de você
lua-cheia.jpg
 
A noite teve luar
Não teve boa noite
Teve lua cheia
As horas foram passando
A noite caiu
Silenciosa  e vazia
O silêncio invadiu
Testa franziu
A lua iluminou a praça
Sem som...
Só o silêncio
Os olhares se perderam
Evoluiu
Almas simpáticas se aproximam
Só para apreciar a lua.
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 23/07/2013


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426