Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos


Noite vazia( Interação )
 
         Eliane Auer e Inaldo dos Santos Pereira
Lua%20crescente2.jpg
Hoje a noite ficou vazia
Sem palavras, sem canção
Ficou vazia...
Sem melodia, sem emoção.
Hoje a noite ficou sem graça
Perdeu o sentido
Tudo ficou inibido
Desapareceu o sorriso
Hoje não vi  a Lua Cheia
Perdeu o encanto, a sereia
Sumiu a Lua que incendeia...
Hoje, faltou o sentido, o sorriso,
Sumiu a Lua, não vi a estrela
Perde-se o sonho ...
 
Antes perdido um sonho,
Que podemos a ele repor,
Que a esperança que pomos,
Essa não se transforme torpor.
Que venha nova lua nova,
Estrelas cadentes revivam
Renascendo-se o que gostas,
Que amores em ti vivam.
Renascendo um novo sentido,
E o sussurrar do mar seja ouvido,
Espumas de alegria te banhem.
Preenchida seja à noite e brilhe,
Por caminhos, de estrelas, trilhes,
Que quem tu queiras te ame.

 
 
 

Eliane Auer (Moça Bonita) e Inaldo dos Santos Pereira
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 16/10/2011
Alterado em 24/11/2011


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426