Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos



“... a Moça Bonita que não pode morrer nem ficar oculta no mundo que tudo convida a ser feliz e ser mais”. ( Toninhobira).

A Moça Bonita ressurge depois de despertada por um anjo
Está ao lado do nome de batismo
Como não pode morrer nas palavras do poeta
Nem ficar oculta numa festa.
Vamos acordá-la com intensidade
Vamos revivê-la com carinho
Se ela agrada aos amigos poetas
Que renasça com alegria e com requinte de orquestra.
 

Obrigada Toninhobira por tão lindas palavras...
25/03/2011
 
 
 

Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 25/03/2011
Alterado em 23/09/2011


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426