Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

A carta que não chegou
 

O carteiro passa
Olho suas mãos vazias para mim
Espero no banco
Da praça
É uma agonia
Sem fim
Ainda espero uma carta
Com as noticias e a declaração de amor.
Espero por esse momento
Pela declaração dos sentimentos
Do mais lindo e puro amor.
12/01/2011
 
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 12/01/2011


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426