Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

Tão longe, tão distante...
Tão longe e tão distante
Aonde irão meus pensamentos
Vagueiam-se entre nuvens
Ou navegam em alto mar
Escondem-se em cavernas
Ou vão de encontro a outros pensamentos que estão a vagar...
Daí fechando os olhos é possível encontrar
Um lago puro e cristalino
Uma floresta encantada e lá um gigante menino
Que nem sequer imagina que terá uma companhia
Para as noites de insônia e de profunda agonia...
03/11/2010

Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 03/11/2010
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426