Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

O voo da borboleta

Voa borboleta ainda és livre para voar
Não sei se eu conseguiria ir tão longe a te acompanhar
Voa borboleta o mais alto que puder
Encontre um lírio lindo logo ao amanhecer.
Assim que encontrar fale todos os seus desejos
Conte todos os seus sonhos
E até seus segredos.
E ao despertá-lo em festa
Avise que fará morada
Que aquele lírio bonito será a sua nova parada.
02/07/2010


Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 02/07/2010
Alterado em 23/12/2010
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426