Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

Pestalozzi

A instrução das crianças pobres deve-se ao conhecimento e dedicação de Johann Heinrich Pestalozzi, aplicando suas idéias com sucesso em 1774 quando abriu uma escola para crianças desamparadas numa aldeia de Neuhof para proporcionar-lhes a ter uma vida independente.
Para Pestalozzi, a base da educação estava no seio familiar. ”o modelo da escola é o lar”.
Se mantiver essa postura de um professor amoroso, que estimule a iniciativa dos alunos e seu comportamento ético em todas as atividades.
Se o espírito, de colaboração e compreensão paira em um bom lar, essas idéias devem ser aplicadas na sala de aula.
Porém, na atual conjuntura, vemos que não é fácil atuar como profissional da educação, onde o modelo de um bom lar está muito distante da realidade social dos bairros periféricos onde existe grande concentração de crianças pobres, família fragmentadas, destruídas pelos mais diversos problemas sociais. Portanto essa base estrutural familiar já desintegra o espaço de tempo em que o aluno freqüenta a escola, uma vez que muitas alunas, ainda crianças, entrando na puberdade, tornam-se profissionais do sexo tão precocemente, até mesmo pagando com a vida, por não ter um bom lar, pois este fora destruído, muitas vezes pela cobrança de valores mínimos de dívidas com o tráfico, sendo pagas com a vida dos familiares.
Com esse conhecimento, como se comportam os professores?
Agindo como um “pai amoroso” incentivando ao crescimento e evolução, porém quando saem da escola, os conceitos muitas vezes se perdem por não ter seguimento.
Morf, discípulo de Pestalozzi, resumiu em tópicos os princípios gerais do método Pestalozziano:
Percepção sensorial, linguagem ligada à observação, a época de aprender não é época de julgamento ou crítica, o ensino deve começar pelos elementos mais simples em ordem psicológica, tempo suficiente a cada ponto de ensino assegurando o domínio completo do assunto, o ensino deve ter por alvo o desenvolvimento, o mestre deve respeitar a individualidade do aluno, desenvolver e aumentar os poderes de sua inteligência, as relações entre professor e aluno devem ser baseadas e reguladas pelo amor.
As idéias de Pestalozzi foram difundidas na Europa e América.

JOHANN HEINRICH PESTALOZZI, nasceu em Zurique – Alemanha em 12 de janeiro de 1746 e faleceu em Brugg (Suiça) a 17 de fevereiro de 1827.
Estudou Línguas, Teologia, Direito e História.
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 15/08/2009
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426