Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

Quando os amigos se revelam


Amigos se revelam em sonhos aumentando a confiança e a leveza que traz essa magnífica cumplicidade
Amizades se deterioram á partir do momento em que você diz um “não” abrindo os olhos, enxergando que só seus bens materiais são valores para o amigo.
Alguns amigos só se tornam amigos, a partir da sua ambição por apresentações em lojas, pessoas, usando seu nome social, desejando $$$... São amigos?
São amigos, aqueles que você bonito ou feio, gordo ou magro, com provimentos ou sem, calçado ou descalço, cabeludo ou careca, chorando ou sorrindo, segura na sua mão e caminha junto com você.
Amigo mesmo é aquele que não é amigo-irmão, como costumam dizer, pois acredito que tem amigos que são mais do que irmãos, são divindades. Esse eu tenho!
Ah, aquele amigo que dá tudo de si por você!
Que esquece até dos seus compromissos para te apoiar, vigiar, observar...
Agora, tem aquele amigo indescritível, que dá bronca séria para você reagir, crescer, amadurecer, vencer com garra os obstáculos que surgem na vida.
Tem amigos que são verdadeiros psicólogos, ficam horas dedicando o seu tempo, ouvindo,sentindo a sua presença, dividindo alegrias e momentos bons, orientando, ensinando os passos para evoluir.
Amigos que surgem de um acaso e tornam-se eternos.
Outros amigos entendem até a sua hora de recuo, de fechar as cortinas do teatro da vida, entendendo o seu momento de ficar só.
Amigo do olhar, do silêncio, oculto, anjo, lindo, atrevido, altivo, complicado, fingido, traidor, charmoso, exigente, eloqüente, atencioso, elegante, intrigante, desconhecido, amigo que dá bronca, que é pra lá de amigo!
Ah, amigo que eu gosto mesmo, é meu amigo, aquele, aquele... AMIGO!
É dessa maneira que os meus amigos se revelam!
Tenho outros tantos de amigos...
Consigo ainda dizer: eu tenho amigos!
08/04/2009

Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 08/04/2009
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426