Eliane Auer

Só quem conhece a alma do poeta é que sabe onde moram suas emoções.

Textos

Luto por mim mesma
Acordei na hora errada
Dormia no sono profundo da inocência
Tudo era lindo,perfeito,
Vivia um mundo ideal.
Era tão harmonioso, notas perfeitas, que mais se parecia com um conto de fadas.
Isso para meu mundo fantástico , é claro!
Renúncias constantes, um medo angustiante começou a surgir...
Achava que tudo aquilo era meu mundo ideal...
sem novidades, sem colorido...
mas era o meu  mundo ideal,
o que eu achava que gostava...
Como eu dormia!
Que sono profundo!
De repente, cai da cama, na frente da tela do computador...
Estou cheia de hematomas.
Percebi então , que acordei na hora errada!
Aquele que eu tanto resistia,
tornou-se a minha agonia.
Fui abrir os olhos, exatamente, na frente da tela do computador.
Enxerguei as pancadas, as marcas deixadas, os dissabores
que a queda me permitiu.
Resolvi tirar proveito,
olhar para a tela e me ver.
Me admirar como uma narcisista...
Me envaideci.
Deixei-me ser cortejada, porque precisava...
Luto por mim mesma!
Enquanto luto, estou de luto,porque acordei na hora errada.
Quero voltar a dormir.
Assim não terei  a tristeza das dores.
Quero meu conto de fadas,
meu paraiso,
sem o sono profundo ...
Porém , o que conquistei ao despertar
Disso tenho certeza,  só agradecerei!!!
28/12/2008 20:00h
Eliane Auer (Moça Bonita)
Enviado por Eliane Auer (Moça Bonita) em 28/12/2008
Alterado em 02/04/2010
Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
elianeauer@uol.com.br- @escritoraelianeauer
http://mocabonita.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4239426